quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

E o Paulistão? Novas formas de disputas, os mesmos personagens.

Abro o blog do Boteco e vejo que só têm Carioca, R10, Fla x Flu....Não...não é só disso que se alimenta a impressa especializada. E o Paulista que inaugura um novo regulamento? Como estão os grandes?

Ao assistir a primeira e o início da segunda rodada, percebe-se que os candidatos ao título seguem os mesmos. Corinthians, Santos e São Paulo seguem o script. Assisto ao jogo dos três e me vêm a cabeça o imperador romano Julio César quando dizia: Vim, Vi e Venci.

Corinthians com uma base formada a base forte, fruto do time campeão da série B. O vejo um pouco mais fraco que nos anos anteriores, a saída de jogadores primordiais (principalmente Elias) faz com que o time comece o ano em desconfiança. Contudo, mostra sua força quando consegue o resultado.

Santos continuou com a base que chamou a atenção ano passado, fez contratações pontuais e se preparou para a libertadores. Falta ainda algumas peças para decidir. Keirrison parece não ter se adaptado ao esquema tático. Problemas internos e brigas com empresários podem desmoronar a brincadeira dos meninos.

São Paulo tenta reviver a chama daquele time campeão mundial e tri-campeão brasileiro. A técnica do "bom e barato" parece estar voltando a cúpula são paulina. Manter a base do ano passado somado a contratações para posições carentes do grupo.

A ressalva do quarteto de ferro paulista fica por conta do Palmeiras. Vivendo um período de turbulências, o Alviverde paulista vive apenas do passado. A eleição ocorrida ontem é a maior prova disso. Um clube com alguma estrutura e se atropela na hora de resolver conflitos e confusões. Sem grandes contratações, o Palmeiras parte para o paulista com a equipe que caiu nas semi-finais da Copa Sul-americana para o cambaleante Goiás. O verdão precisa abrir o olho se quiser ter grandes pretensões nessa temporada

Bom... quanto ao interior, tudo continua sendo uma incógnita. Muitos times mudaram de cidade, mudaram de elenco... da renovação aos medalhões. A federação mudou o regulamento para ajudá-los? Não. A alteração do regulamento foi feita simplesmente para aumentar a renda e receita da federação para os jogos "com o mando da Federação". Talvez o Palmeiras usufrua dessa alteração para alçar vôos mais distantes.

Um abraço a todos,

Leão da Montanha

2 comentários:

Leonardo Resende disse...

O Paulistão é um dos campeonatos mais chatos no quesito estaduais, apesar de ser disparado o mais equilibrado.

Esse ano vamos ver esse time do "parece mas não é" do Palmeiras. Acho que vai ser divertido, ver escalação de Cicinho, Rivaldo, Dinei Genéricos.

Coitados do Felipão, Kleber e Valdivia, hahaha!

Santos, Corinthians e São Paulo vão fazer o dever de casa...

GRATO

Dom Romero disse...

Realmente, o PAULISTA é muito chato! Sem duplo sentido! Rs!
Prefiro assistir a um BOTAFOGO X D.CAXIAS do que um SÃO PAULO X MOGI MIRIM. Bairrismo? Sinceramente, acho que não! Questão de gosto!
Isto não quer dizer que a mais poderoso estado do país não tenha times fortes. O SANTOS, por exemplo, é candidatíssimo a ganhar o TRI da LIBERTADORES! Jogadores talentosos, técnico talentoso e joga para frente, tem tudo para repetir o futebol arte do primeiro semestre de 2011 e arrematar dois títulos.
GRATO.
Dom Romero

Postar um comentário